É a sua primeira visita?

Entenda a Minha História.

quinta-feira, 2 de junho de 2011

Algum problema?

Existem coisas sobre nós, gatos, que vocês meros humanos nem têm idéia.

Por exemplo: a arte de treinar o ser humano para te atender.

A gente treina tão bem, mas TÃO BEM, que vocês chegam a nem perceber!

Quer ver?

Leia Mais...

Minha mãe pode se esgoelar de berrar em algum lugar. O que eu faço? Chiu mãe, fica quieta que eu tô dormindo!
Eu dou um miadinho bem baixinho. O que acontece? Minha mãe aparece do nada em 3 segundos.

Eu ouço a casa toda desmoronando. O que eu faço? Chiu gente, vai quebrar coisa pra lá que eu tô dormindo!
Minha mãe escuta um farelo de pão caindo. O que ela faz? Sai correndo para ver se alguém se machucou (e contabilizar os prejuízos, limpar a sujeira, etc).

Nós, gatos, a elite da sociedade, somos tão importantes no núcleo da família, que bronca e nada é a mesma coisa.

Em outras palavras, poupe a sua saliva e vá gastar sua energia em outras coisas mais produtivas.



Por exemplo, se uma criança faz uma arte, o que acontece? Ela leva uma bronca de meia hora e fica de castigo o resto do dia.

Se nós, gatos, fazemos uma "arte", o que acontece? Um suspiro, quase uma lamentação, de quem diz " fazer o quê?"
Mas bronca? Castigo? Nem sei o que é isso!
Capaz ainda da minha mãe olhar bem pra mim e dizer "Filha, te amooo!"

É...faz parte de ser irresistível.

Então olha só:

 O sofá da minha mãe né.

Sim, fui eu que fiz.
Se você não gostou, problema seu.
Se você é visita e achou ridículo, problema seu também.
Se você acha que não deve ter gato por causa disso disso e daquilo, a perda é somente e toda sua.

A minha casa é bagunçada e cheia de vida. Prefiro assim, do que uma casa linda e vazia.

Minha mãe? É, ela só olha pra gente,e solta aquele suspiro de "tarde demais". Daí ela enche a gente de beijo e apertões, como se esquecesse quanto custa um sofá novo e ao mesmo tempo lembrasse que a gente vale mais do que mil sofás.
E você? Você vê algum problema?

Beijo de Nariz!

Ler Próximo Post.

12 comentários:

Blog da Rutha disse...

Branquinha, você é a minha heroína ! Eu adoraria arranhar os móveis de casa assim ,mas o papai é uma fera e eu morro de medo dele...bom, a minha estratégia é arranhar um pouquinho cada cadeira ou tapete, assim não fica nada totalmente estragado...
Mesmo assim você tem toda razão, nós aqui em casa levamos umas broncas (principalmente o Barum) mas normalmente quando fazemos alguma arte a mamãe corre pra pegar a máquina e tirar foto !
Lambidas da Rutha

Felina disse...

nenhum problema, aqui em casa penso exatamente assim,prefiro meus animais felizes a uma casa toda chique sem vida, só que fiz algumas adaptações tb né, tenho tapete de sisal pros pequenos usarem de arranhador, o sofá é forrado com acquablock, não puxa fio e qdo Mel vomita, ela faz essa nojeira, fica fácil de limpar, assim somos todos felizes numa casa cheia de vida!

Milene disse...

Tinha um sofá assim aqui em casa há pouco tempo. Aliás, um não, dois. Começaram sendo customizados pela Soninho e Mina continuou a obra dela. Agora tem um bem grandão aqui em casa, novinho em folha, que fica tentando a Mina, estimulando a criatividade dela rsrsrsrs.
Sofá rasgado faz parte. Quem não gosta que tenha gatos de pelúcia, não é mesmo?

Gata Lili disse...

Nenhum...menina me diverto com este teu post,adorei.... super super criativo!!!! parabéns. e minha mãe que diz..."aprendam com os gatos, aprendam com os gatos".... passa lá no blog para ver o dia dos namogatos.

Toca das Felinas disse...

Eu não! Prefiro a casa toda de ponta cabeça à viver sem minhas felinas! Adorei o post! Minhas gatinhas me ensinaram direitinho!!!
Amo muito tudo isso!!

Gato Pierre disse...

Ih...minha mãe vai tomar muita bronca da minha vó se eu fizer isso com o pobre sofá dela! A esperança é que o arranhador me satisfaça..será??? Mas eu tbm nao levo bronca não, e quando levo, ela fica com dózinha e vem me apertar no estilo felícia, ô doidera!
lambeijos

Nikita disse...

Ai que lindooo! Nossa quanta palavra verdadeira e carinhosa. Aqui em casa é a mesma coisa. Amamos nossos animais e eles valem muito mais que um simples sofá.

Beijos, Néia:)

Mirna disse...

Perfeito!!E eu que pensava que meus fiotes eram os únicos a ignorar os pais...hehehe
Ah, o sofá daqui de casa é lindo...altamente customizado pelos meus felininhos...hihihi

GRAÇA disse...

Branquinha venho desejar uma boa semaninha
Amiga
Kika

Karen disse...

Hahahaha... adorei Branquinha... vc é bravinha né, rs
Lá em casa, neste finde, surgiram umas visitas e minha mae prendeu a Meg e o BOb numa sala, pois eu fui lá e soltei.
Falei, olá pessoal, pode ficar tranquilo, todo os meu filhos são mansos, jamais morderiam vcs!
E eles ficaram bem alegrinhos por eu defende-los!

Quem não gosta dos meus filhos, não va a minha casa, la a preferencia é deles!

Bjinhos

Uniqua disse...

Branquinha, a mammys pensa a mesma coisa.... eu também customizei a poltrona favorita dela e sabe que ela até gostou?? E ela me deu até um monte de beijinhos. E ai de quem me da uma bronca, minima que seja.... a mammys logo fala: a Nellie mora aqui e é o meu bebe, quem manda é ela, e pronto. :-)
Beijinhos de nariz
Nellie

Livia Luzete disse...

Adorei o post! E que tapa na cara dos seres de 2 pés!AFfff, reis absolutos os senhores gatos e gatas.

Postar um comentário

 
^