É a sua primeira visita?

Entenda a Minha História.

sexta-feira, 15 de janeiro de 2010

Um Cachorro chamado Fé.

Recebi um email com essas lindas e comoventes fotos, junto com uma história.
Quero dividir com vocês, é realmente uma lição de vida.


"Essa é a história de um cachorro que nasceu na véspera do Natal de 2002.

Ele nasceu com 3 patas - duas saudáveis e uma anormal na frente, que teve de ser amputada.
Certamente ele não conseguia andar quando nasceu. Até mesmo sua própria mãe o rejeitou.
Seu primeiro dono também não acreditou que ele sobreviveria e até pensou em eliminá-lo.

Leia Mais...

Naquela época, sua atual dona, Jude Stringfellow, entrou em sua vida e começou a cuidar dele. Ela estava determinada a ensiná-lo e treiná-lo a andar por si só.
Ela acreditava que o cachorrinho só precisava de um pouco de FÉ. Por isso foi-lhe dado o nome de "Faith" (Fé em Inglês).

No começo ela colocava Faith numa prancha de surf para que ele sentisse os movimentos da água. Mais tarde lhe dava pasta de amendoim numa colher, como recompensa por ter ficado ereto e saltar pela casa.

Até outros cachorros da casa o ajudavam e o encorajavam a caminhar.

Surpreendentemente, após apenas seis meses, como que num milagre, Faith aprendeu a se equilibrar em suas duas patas traseiras e saltar se movendo para frente. Depois de mais algum treinamento na neve ele começou a caminhar como um ser humano!

Faith adora passear.
Não importa aonde ele vai, ele sempre atrai pessoas à sua volta. Agora ele está ficando famoso no cenário internacional. Ele já apareceu em vários jornais e espetáculos de TV. Há, inclusive, um livro cujo título é "With a Little Faith"( Com um pouco de Fé), publicado a seu respeito."

"Mesmo sem um corpo perfeito, alguém pode ter uma alma perfeita."

Impressionante não?

Então que tal se nós todos começarmos esse ano maravilhoso também com um pouco de FÉ?!
Afinal, quando se quer realmente alguma coisa, tudo é possível!

Procure aquela força dentro de você e faça com que seus sonhos se realizem!!!

Feliz 2010!

Ler Próximo Post.

4 comentários:

Journal Kittens disse...

Não é uma deficiência que pode fazer com q o animal seja triste, essa estoria é emocionante, esse cãozinho parece ser mt feliz! :)

Fofyslandia disse...

Oi Branquinha eu vi esta história no Fantastico e no programa do Gugu se vc procurar na internet tem a história de um gatinho aqui no Brasil se não me engano em São Paulo esta história também passou no Fantastico ( a do gatinho) procure Banquinha vc tbm vai gostar é impressionate o gatinho assim como o cachorrinho

Mico, o Gato disse...

ooohn *-* que linda!! que bom que ela consegue andar como o humano.. ah fico feliz! Quem precisa de duas patas quando tem amor ne! que bom =)

Lizandra disse...

Linda história, eu já tinha ouvido pouco falar no cãozinho, mas é emocionante mesmo. Dá pra ver que mesmo sem as duas patas ele é feliz com o amor de sua dona e anda mesmo igual a um humano.

Postar um comentário

 
^